Laser para Cirurgias Refrativas

Laser para Cirurgias Refrativas

O que é o Laser para Cirurgias Refrativas

Indicada para pacientes a partir dos 18 anos, quando se espera a estabilização do grau, corrige de forma personalizada a miopia, a hipermetropia e o astigmatismo.

null

Técnicas usadas

LASIK – Utiliza-se excimer laser e microcerátomo. No LASIK o microcerátomo confecciona um retalho (flap) fino na córnea, então o excimer laser é aplicado na córnea, abaixo deste retalho. Depois este flap é reposicionado e aguarda-se a cicatrização. Importante: não é usado nenhum ponto ou sutura nessa cirurgia.

i-LASIK: é a mais recente tecnologia associada ao LASIK. É a combinação do tratamento com o excimer laser mais a precisão e previsibilidade do laser de femtosegundo na criação do flap, sem o uso de lâmina.

Passo 1: criação do flap. O Laser de femtosegundo é usado para criar um retalho na córnea. Este método, livre de lâmina, oferece excelentes resultados, com maior número de pacientes que atingem visão normal e melhor visão noturna.

Passo 2: correção do erro de refração com excimer laser que corrige a visão com as especificações exatas do seu olho. Este laser oferece o mais alto nível de precisão e, literalmente, acompanha os movimentos do seu olho durante a aplicação, reagindo automaticamente para fornecer um resultado seguro e preciso.

PRK – Utiliza-se apenas o excimer laser para remover camadas microfinas da córnea, de maneira controlada, em um padrão personalizado e programado pelo cirurgião no computador/laser.

PTK – é uma técnica de fotoablação terapêutica com laser, indicada em casos de leucomas superficiais (manchas brancas na córnea) e imperfeições de superfície. Após o procedimento pode ser necessário o uso de lentes de contato terapêuticas, conforme prescrição médica.

Últimos conteúdos do IMO